Quem é Juarez Barcellos

GEDSC DIGITAL CAMERA

Juarez Barcellos de Paula nasceu na cidade de Piraí, Rio de Janeiro, em 02 de janeiro de 1976. Seu interesse pela música começou na adolescência, ao ver um amigo tocar uma guitarra elétrica num evento na escola. Com quinze anos de idade começou a tocar pandeiro acompanhando chorinhos com os Sr.s Jaime e Franklin, seus vizinhos que tocavam violão e cavaquinho. Em 1992 iniciou-se no curso de violão erudito do Professor Vagner, um respeitadíssimo violonista, então delegado da O.M.B. em Barra do Piraí, região Sul fluminense (Estado do Rio de Janeiro). Foi aluno no curso de violão erudito no Festival Vale do Café 2009, tendo como professor, o renomado violonista Turíbio Santos.

No ano 2000 desenvolveu um projeto com músicas de Tom Jobim e Vinícius de Moraes, iniciando pela Câmara Municipal de Piraí, e seguindo por colégios públicos e particulares, em auditórios e praças, em cidades do Sul Fluminense. E chamou de “Projeto Prelúdio”. Isso divulgou seu trabalho, e, em 2002, foi convidado a dar aulas particulares em residências de Piraí e Barra do Piraí, e assim trabalhou até 2007. Durante este período realizou diversos recitais com alunos na sede da Associação de Moradores do Bairro Caiçara, no Cassino da Light no Bairro Lajes, e principalmente no plenário da Câmara dos Vereadores de Piraí.

Ainda em 2002, começou a elaborar um material didático organizado e adaptável às necessidades e interesses dos alunos. Começou com manuscritos e em seguida os editou no computador. Em 2012 iniciou o processo de transferência de todo o conteúdo para a internet com exposição gratuita.   

Passou a ministrar aulas de violão no projeto “Piraí, Acordando Sons, Musicando Cultura”, no ano de 2008, ao lado do professor cavaquinista Jorge  Filho, do grupo “Época de Ouro”, e do violonista Rafael. Seu ingresso no projeto se deu por um convite feito pela, então secretária de cultura, Nágila Maria, e, em 2013, o novo secretário, Charles Barizon, confirmou sua permanência no projeto e apoiou a criação da “Orquestra de Violões de Piraí”, na qual Juarez atua como regente.

Deu aulas de iniciação em guitarra, baixo, cavaquinho, teclado, violino e teoria musical, em igrejas, associações de moradores e em domicílios, em Piraí e Barra do Piraí. Adquiriu experiência em MPB tocando em bandas de bailes e fazendo voz e violão em bares, pizzarias, hotéis, na região sul fluminense e no Rio de Janeiro.

O músico se converteu ao cristianismo no início de 1998, e atuou na música evangélica como “líder de louvor” por dez anos na Igreja Evangélica Congregacional de Piraí, onde, voluntariamente, promoveu vários eventos de pequeno e médio portes direcionados à integração e divulgação dos gêneros musicais no contexto da cultura religiosa. Além disso, participou de festivais e gravações de música gospel. 

Juarez é casado com a Técnica de Enfermagem e Professora de Educação Física, a carioca Érica Barcellos, pai da bailarina Victória e da boneca Bárbara. A família reside na pequena cidade de Piraí, no interior do Estado do Rio de Janeiro, na região Sul-Fluminense.

No dia 07 de abril de 2014, Juarez inaugurou, em Piraí – RJ, a Sala do Violão – instituição de ensino musical, onde passou a ministrar aulas particulares de violão, principalmente, além de outros instrumentos de seu domínio secundário. Aleḿ do ensino da música para todas as idades, a Sala do Violão estabeleceu um compromisso filosófico com a formação do caráter do jovem e do músico de forma geral. A criação desse espaço permitiu ao professor atender um público que não tinha acesso ao seu trabalho. Esse novo projeto na vida do músico não interferiu no atendimento aos alunos do Projeto Cultural da Prefeitura Municipal de Piraí, pois, manteve em ambos, o mesmo material didático e motivação profissional.

Síntese Biográfica