Adoração: Tipos e Lugares

Adoração Adorar: prestar culto, honra, reverência, homenagem, amar extremamente.
  • Adoração a Deus: Sl 96.9 
  • Adoração a anjos: João Ap 19.10 
  • Adoração a homens: imperadores romanos e Nabucodonosor (Daniel 3.15).
  • Adoração a imagens: bezerro de ouro que Arão fez (Êx. 32.8);
  • Adoração a deuses: templo da deusa Diana em Éfeso. At 19.27 e At 19.35; deuses greco-romanos; Baal e seus profetas.
Locais de adoração a Deus
  • Altares e sacrifícios: dos patriarcas   Gn 12.7-8 
  • Tabernáculos: de Moisés, no deserto, a Davi   1R 3.2
  • Templo: casa de sacrifícios – Jerusalém / Salomão, Zorobabel e Herodes  IICr 7.12 e Os. 6.6
  • Sinagogas: casa de oração dos judeus / cativeiro – Atos 15.21; 17.1 Lc 4.15-16 Lc 19.46 Is 56.7 Jr 7.11
  • Igrejas cristãs: sistema adotado das sinagogas.
  • Santuário de Deus: o homem que adora a Deus 1Cor 3.16                                                            

“Não sabeis vós que sois santuário de Deus, e que o Espírito de Deus habita em vós?” 1Cor 3.16

Apocalipse: revelação e ânimo às sete igrejas da Ásia Menor

Província romana da Ásia Menor / Perseguição e sofrimento / Divindade imperial x cristianismo  

Ap 1.20 Sete igrejas (sete candeeiros) Sete pastores (sete estrelas – anjos) / Ap 1.11 que dizia: O que vês, escreve-o num livro, e envia-o às sete igrejas: Éfeso, Esmirna, Pérgamo, Tiatira, Sardes, Filadélfia e Laodiceia.

1ª Éfeso

Capital da província romana na Ásia, grande centro comercial, está em vários mapas de história (Ásia menor) e famosa por seu templo de Diana (Ártemis – deusa da caça). Laboriosa, perseverante, não suporta homens maus, põe a prova os mentirosos, suporta provas por causa do nome de Jesus, não esmorece, odeia as obras dos nicolaítas (seita em Éfeso e Pérgamo), porém, abandonou o primeiro amor. At 20:36-38  e  1Cor 13:1e13

2ª Esmirna

Cidade portuária distante 65 Km de Éfeso. Pobre (mas tu és rico), alguns que são “sinagoga de Satanás” (Sinagoga: casa de oração). Tribulação de 10 dias para alguns provados com perseguição diabólica

3ª Pérgamo

Onde se começou a usar o pergaminho (200 anos a.C.) Falta de papiro; Habita onde está o trono de Satanás; Não nega Jesus, a fé; Alguns sustentam a doutrina de Balaão (Profeta da Mesopotâmia que virou feiticeiro do rei de Balaque de Moabe) Nm 22.1 e 7 2Pe 2.4 Também tem alguns que sustentam a seita dos Nicolaítas, odiada pelos efésios. Nicolau: Prosélito de Antioquia (At 6.5).

4ª Tiatira 

Amor, fé, serviço, perseverança e numerosas obras (boas obras); Tolera Jesabel; Ap 2.20 “As coisas profundas de Satanás” Ap 2.24

5ª Sardes: *igreja fria

Tens nome de que vive e esta morto; poucas pessoas que não se contaminaram.

6ª Filadélfia: (Amor fraternal) *igreja quente

Porta aberta diante de si, pouca força, Guarda a palavra com perseverança e não nega o nome de Jesus. Tinha inimigos: Eles saberão que eu te amei Ap 3.9  Is 60.14

7ª Laodicéia *igreja morna

Não é nem fria e nem quente, é morna. Rico e abastado, não preciso de nada. (rico de dinheiro, intelecto, família, saúde, amigos, etc..)  Infeliz, miserável, pobre, cego, e nu. (espiritualmente)

Resumo

Éfeso: que abandonou o primeiro amor. Esmirna: que é pobre e atribulada. Pérgamo: que habita onde está o trono de Satanás. Tiatira:  que tolera Jezabel. Sardes: que é fria. Filadélfia: que é quente, missionária, trabalhadora. Laodiceia: que é morna (indecisa, indiferente, orgulhosa, auto-suficiente)

A sétima trombeta tocou: “O reino do mundo se tornou de nosso Senhor e do seu Cristo, e ele reinará pelo séculos dos séculos”. Ap 11.15 

A estrela da manhã, a estrela d’alva e o planeta Vênus

Vênus:  Planeta que gira entre a Terra e Mercúrio. Mulher muito linda, por alusão a Vênus (Afrodite dos gregos): deusa do amor e da beleza.

Vésper: Nome dado ao planeta Vênus, quando aparece à noitinha, no ocidente. O ocidente.

Estrela D’alva –  Estrela da Manhã: O planeta Vênus, quando visto ao amanhecer. Pl.: estrelas-d’alva.

Lúcifer:  Nome que os romanos deram ao planeta Vênus. Este nome aparece na vulgata em Isaías 14.12 

… quomodo cecidisti de cælo lucifer qui mane oriebaris corruisti in terram qui vulnerabas gentes… (Liber Isaiae, 14.12) Bibliacatolica  

Vulgata: Tradução latina da Bíblia, feita por São Jerônimo para o latim vulgar, ou popular.

Latim: A língua do grupo indo-europeu, falada antigamente no Lácio e, pois, em Roma. O estudo dessa língua. Coisa de difícil compreensão. — Latim vulgar: latim popular, base das línguas neolatinas modernas.

Línguas neolatinas: O italiano, o francês, o provençal, o português, o espanhol, o catalão, o romeno (Romênia) e o dalmático (Dalmácia – Iugoslávia), este último língua morta.

Isaías 14.12 Como caíste do céu, ó estrela da manhã, filha da alva! Como foste lançado por terra tu que prostravas as nações! (parte do “Hino triunfal sobre a queda da Babilônica”; título dado na edição revista e atualizada da tradução de João Ferreira de Almeida)

Lucas 10.18 Respondeu-lhes ele: Eu via Satanás, como raio, cair do céu. (esta frase não tem nenhuma ligação com Isaías 14.12) 

Apocalipse 2.26 Ao que vencer, e ao que guardar as minhas obras até o fim, eu lhe darei autoridade sobre as nações, 2.27 e com vara de ferro as regerá, quebrando-as do modo como são quebrados os vasos do oleiro, assim, como eu recebi autoridade de meu Pai; 2.28 também lhe darei a estrela da manhã. (carta à Tiatira – Jezabel – coisas profundas de Satanás) 22.16 Eu, Jesus, enviei o meu anjo para vos testificar estas coisas a favor das igrejas. Eu sou a raiz e a geração de Davi, a resplandecente estrela da manhã.

Anúncios

Comentários e perguntas - acrescente sua cidade e estado

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s