Estrutura dos acordes

Os acordes são formados por intervalos de terças superpostas, usando notas de uma escala. Cada nota da escala inicia um acorde e é chamada de Fundamental (que dá nome ao acorde). A estrutura dos acordes está nas tríades ou nas tétrades, são os intervalos de terça,quinta e sétima.

Tríade: acorde com fundamental, terça e quinta. Ex.: C (dó, mi e sol)

Tétrade: acorde com fundamental, terça, quinta e sétima. Ex.: C7 (dó, mi, sol e si) 

Terça: nota que diz se o acorde é maior ou menor. Ex.: C (dó maior) e Cm (dó menor). Terça maior: não é cifrada, (subentende-se acorde é maior). Ex.: C (dó maior) Terça menor: m ou – anotado após a fundamental (acorde é menor). Ex.: Cm (dó menor). 

Quinta justa: não é cifrada. Ex.: C (dó maior) e Cm (dó menor) Quinta diminuta: (b5) ou -5 (usada em acordes menores com sétima). Ex.: Cm7(b5) Quinta aumentada: (#5), +5 ou apenas  +. Ex.: C5 (dó com quinta aumentada) e C7(#5) dó com sétima e quinta aumentada. 

Sétima maior: 7M ,  maj7 ou  7+. Ex.: C7M (dó com sétima maior) Sétima menor: apenas o 7 após a fundamental e a terça. Ex.: C7 (dó com sétima) Sétima diminuta: dim, 7dim ou º. Sua cifra subentende terça menor e quinta diminuta. Ex.: Cº (dó diminuto).         Leia Extensão de Acordes

Anúncios

Uma opinião sobre “Estrutura dos acordes

  1. Pingback: Extensão de Acordes | Juarez Barcellos

Comentários e perguntas - acrescente sua cidade e estado

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s